Sobre a tecnologia

O FTD Digital Arena conta com um sistema de projeção composto por um subsistema de projeção, propriamente dito, e um subsistema de geração e reprodução, de alta tecnologia.

A projeção é realizada por equipamentos digitais estereoscópicos e utilizam a tecnologia DLP (Digital Light Processing). São dois pares de projetores com resolução de 1.920×1.080, 7.500:1 de contraste e 2.900 lumens de potência. Cada par de projetores é responsável por cobrir metade da tela semiesférica.

A visão tridimensional é obtida com o uso de um projetor para cada olho e as imagens são ligeiramente diferentes e segregadas através do uso de óculos especiais para causar o efeito estereoscópico – que dá uma sensação de espaço e a percepção de distância e profundidade entre objetos. Cada projetor, por sua vez, possui lentes que também filtram comprimentos de onda, o que faz com que a imagem seja específica para cada olho.

O subsistema de geração e reprodução é composto por um conjunto de computadores de alto desempenho gráfico. No total, são quatro computadores para processamento gráfico e um computador para controle e processamento e áudio, com sistema surround 5.1 com 13.000W de potência. Cada computador possui processador Dual Intel Xeon Quad Core com 12GB de RAM e 1,5TB de disco. As placas de processamento gráfico são NVIDIA Quadro 4000 com 2GB e 486Gigaflops (número de operações por segundo), praticamente uma para cada projetor.

As projeções podem ser de filmes ou de conteúdos já prontos, como também é possível gerar imagens e animações em tempo real.